UERJ
Logo IEFD

Conselho DepartamentalHistoricoDepartamentosLaboratorios
Graduação

Pós-Graduação

Extensão

Laboratório de Atividade Física e Promoção da Saúde


Apresentação
Linhas de Pesquisa
Contato

Com o intuito de contribuir para a produção e a difusão do conhecimento na temática das 'atividades físicas e promoção da saúde', foi criado recentemente o Laboratório de Atividade Física e Promoção da Saúde (LABSAU) do Instituto de Educação Física e Desportos (IEFD) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Exercendo suas atividades na sala 8133-F do IEFD, o LABSAU encontra-se ainda em fase de implantação. Alguns equipamentos foram adquiridos e muitos outros conseguidos sob forma de doação. Hoje, além de sala de coleta de dados, foi possível montar uma sala de estudos com dois computadores conectados à internet para uso de alunos da Universidade. Nesta sala de estudos foi instalado um amplo banco de artigos, disponíveis na forma impressa e/ou digital, para facilitar o esforço de revisão da literatura nos temas abordados pelo laboratório. Este banco de artigos já vem sendo consultado por alunos de outras Universidades. Para desenvolver suas atividades, o LABSAU conta com uma equipe de professores e alunos com diversos níveis de formação. No entanto, apenas dois deles são formalmente docentes da UERJ. Dentre as unidades da UERJ que vêm trabalhando em conjunto com o LABSAU, pode-se mencionar a Universidade Aberta da Terceira Idade, a Clínica de Hipertensão do Laboratório de Fisiopatologia Clínica e Experimental do Hospital Universitário Pedro Ernesto e o Instituto de Nutrição. Alguns estudos vêm sendo realizados em parceria com o Núcleo do Instituto de Ciências da Atividade Física da Aeronáutica e com a reputada Clínica de Medicina do Exercício - CLINIMEX. Finalmente, o LABSAU exerce a função de consultor para assuntos relacionados à atividade física junto ao portal Idade Maior, especializado em envelhecimento.

Deve-se ressaltar que, em seu curto período de existência, o LABSAU firmou-se como representante oficial do 'Programa Nacional de Educação e Saúde através do Exercício Físico e do Esporte' do Governo Federal no estado do Rio de Janeiro, na figura de um de seus coordenadores, Prof. Marcos Santos Ferreira. Esse programa, criado em 1986 pelos Ministérios da Saúde e da Educação e do Desporto, envolvendo, respectivamente, suas Coordenadoria de Doenças Crônico Degenerativas e Secretaria de Educação Física, surgiu com o objetivo de contribuir para o aumento da prática desportiva e de atividades físicas pela população, conscientizando-a sobre a importância da atividade física como fator de saúde e estimulando o desenvolvimento de hábitos mais saudáveis de vida. Em 1987/1988, o Programa foi implantado em 14 estados através de convênios com Universidades Públicas e a Secretaria de Educação Física e Esportes do MEC. A Política Nacional do Programa foi implementada por uma Comissão Interministerial - Ministérios da Saúde e da Educação - e por um Comitê Assessor, objetivando sempre a discussão do binômio exercício físico e saúde. Em 1998, foi instituído o Comitê Técnico Científico de assessoramento das ações do Programa através da Portaria nº 3711/1998 do Ministério da Saúde . A coordenação geral do Programa, que hoje é uma realidade em 27 estados brasileiros, está a cargo da Prof. Dra. Antonia Dalla Pria Bankoff da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Por conta disso, é na Faculdade de Educação Física da UNICAMP que está o Núcleo de Educação a Distância em Exercício Físico e Saúde que tem a função de orientar e divulgar as ações do Programa. Além desse suporte e da coordenação geral, há coordenadores em cada estado da federação formando, assim, uma rede nacional de informações sobre o desenvolvimento das ações voltadas à popularização da prática de atividades físicas. Por fim, vale apontar que os coordenadores do LABSAU participam do Grupo de Trabalho Temático (GTT) sobre Atividade Física e Saúde do Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte.

[ Topo ]